Com o avanço da tecnologia móvel, o consumo de Wi-Wi vem tendo um grande impacto sobre os consumidores. O uso de smartphones em áreas públicas, como ruas ou praças, também já se tornou usual. Em casos de urgência, como a busca por um endereço ou uma mensagem instantânea para um amigo, localizar uma rede wi-fi é uma necessidade.

Cidades como Barcelona, na Espanha, e Wellington, na Nova Zelândia, são alguns dos principais pontos urbanos que oferecem o acesso gratuito para a população. No Brasil, o serviço pode ser encontrado nas grandes capitais, como São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Recife (PE) e Salvador (BA).

Em São Paulo, órgãos municipais vêm apostando no investimento do acesso à internet em praças e transporte público. Além disso, grandes empresas de telecomunicação, como a NET, dispõe aos seus clientes e também há não clientes, o acesso seguro às redes. Os pontos, podem ser localizados por meio do aplicativo NET APP, disponível em Android e iOS.

No entanto, alguns usuários não encontram tanta segurança em redes públicas quanto no roteador de uma rede doméstica. Muitas vezes, com o wi-fi público, há o risco de cópia de dados ou navegação desviada.

Para garantir maior proteção, é preciso criptografar, conferindo o endereço dos sites para checar se eles obedecem ao protocolo HTTPS. Facilitando os acessos livres na internet, o Google Chrome passou a marcar em vermelho as páginas que tentam burlar os erros de segurança – válido apenas para notebooks.

Já para aqueles que utilizam apenas tablets e smartphones em redes públicas, valem algumas dicas para aproveitar melhor o serviço:

  • Evite que o seu dispositivo se conecte automaticamente à rede mais próxima. Procure selecionar o ponto de acesso manualmente.
  • Certifique-se de que está conectado em um ponto de acesso legítimo, conferindo o nome da rede e o processo de conexão.
  • Desative a opção “Compartilhamento de Arquivos”, quando estiver utilizando um ponto de acesso público.
  • Quando estiver conectado em uma rede pública, evite acessar o seu banco online, investimentos ou dados sigilosos.
  • Desative a sua internet quando não estiver em uso.

Fonte: GuiaPC